Chá de Alcachofra (Guia Completo)

5

Chá de Alcachofra: Benefícios, Indicações, Como Preparar, Propriedades Terapêuticas

Chá de Alcachofra – A alcachofra é uma planta medicinal nativa do sul do Mediterrâneo, na porção norte da África.

É uma erva muito utilizada para emagrecer ou para complementar tratamentos, já que é capaz de baixar o colesterol, combater a anemia, regular os níveis de açúcar no sangue e combater os gases, por exemplo.

Possui substâncias com efeito benéfico nas doenças das vias biliares e hepáticas.

Possui como princípios ativos a cinarina e o ácido cafeico que estimulam a formação da bile hepática, regularizam a formação de sais biliares e o colesterol, e o seu uso é indicado para os diabéticos.

São usadas igualmente com sucesso contra a icterícia, cujos sintomas desaparecem mais rapidamente. As folhas reduzem a taxa de açúcar no sangue e são usadas como adjuvantes no tratamento da diabetes.

Tem efeito antiesclerótico, ou seja, é um bom combatente do endurecimento das artérias e servem também para fabricar licores e bebidas amargas.

Alcachofra tem uso científico comprovado como antidispéptico (má digestão).

O suco fresco é utilizado externamente para tratar eczemas e erupções cutâneas. O consumo da cabeça de alcachofra é excelente para quem sofre de anemia, pois é uma fonte muito rica em ferro.

Por ter ação digestiva, auxilia também na prisão de ventre. Combate o escorbuto e o raquitismo pelo conteúdo de suas vitaminas.

É portadora da enzima cinerase, que coagula o leite na fabricação de queijos. Possui como matérias minerais: cal, ácido silícico, óxido de ferro, cloreto de sódio, magnésio e ácido fosfórico.

A alcachofra possui alto teor de fibras alimentares que favorecem movimentos peristálticos, consequente eliminação das fezes e a torna um redutor de riscos do desenvolvimento câncer de cólon e intestino.

Assim, é muito procurada em função de seus efeitos emagrecedores combinados: sensação de saciedade, aumento da eliminação de fezes e metabolização da gordura.

A alcachofra é rica em vitaminas e minerais essenciais.

A espécie Cynara scolymus faz parte da Relação Nacional de Plantas Medicinais de Interesse ao SUS (RENISUS), constituída de espécies vegetais com potencial de avançar nas etapas da cadeia produtiva e de gerar produtos de interesse do Ministério da Saúde do Brasil.

chá de alcachofra nutriela chá ellegance 60 sachês guia completo

Nome Popular

Alcachofra, alcachofra-hortense ou alcachofra-comum.

Nomenclatura Científica

Cynara scolymus L.

Chá de Alcachofra – Fórmula

Componentes: folhas secas. 3 colheres (sopa)

Quantidade: água 1L

Chá de Alcachofra – Orientações para o Preparo

Infusão. Usar 3 colheres (sopa) de folhas secas de alcachofra em um litro de água.

Chá de Alcachofra – Propriedades Terapêuticas

Antiesclerótico, digestiva, antidispéptico.

Chá de Alcachofra – Indicações

Pode ser utilizada para auxiliar no tratamento de anemia, aterosclerose, diabetes, doenças do coração, febre, fígado, fraqueza, gota, hemorroidas, hemofilia, pneumonia, reumatismo, sífilis, tosse, ureia, urticária e problemas urinários.

Chá de Alcachofra – Modo de Usar

Uso Interno. Acima de 12 anos. Infusão. Usar 3 colheres (sopa) de folhas secas de alcachofra em um litro de água. Adicione as folhas de alcachofra em uma panela com a água fervente e deixe ferver por mais 5 minutos.

Coe a mistura e adicione um pouco de mel ou Stévia para adoçar o chá, caso seja necessário. Tomar uma xícara do infuso, após 10 minutos do preparo, antes das refeições.

Chá de Alcachofra – Advertências

O uso é contraindicado para pessoas com cálculos biliares e obstrução dos ductos biliares. Não utilizar em caso de tratamento com anticoagulantes.

Evitar o uso em pessoas alérgicas ou com hipersensibilidade à alcachofra ou plantas da família Asteraceae.

Veja também:

Fontes Consultadas:

  1. BALBACH, A. As Plantas que Curam. Editora Missionária, São Paulo, 2a ed., 1992.
  2. BALMÉ, F. Plantas Medicinais. Editora Hemus, São Paulo, 2004.
  3. CARIBÉ, J.; CAMPOS, J. E. Plantas que Ajudam o Homem – Guia Prático para a época atual. Pensamento-Cultrix, São Paulo, 1991
  4. LORENZI, H. Árvores Brasileiras. Instituto Plantarum, Nova Odessa (SP), v.2, 1998.
  5. MARTINS, J. E. C. Plantas medicinais de uso na Amazônia. CEJUP, Belém, 2a ed., 1989.
  6. MASUCCI, O. As Plantas como Remédio na Cura das Doenças. Brasilivros Editora e Distribuidora LTDA, 1982.
  7. MINTER, S. The Healing Garden. Eddison Sadd Editions, 1995.
  8. MOREIRA, F. As Plantas que Curam Através da Natureza. Editora Hemus, São Paulo, 1978.
  9. The Plant List: Cynara scolymus L.
Share.

©Desenvolvido por  Loja Online Consultoria | 2014.