Chá de Guandú: Bom para Garganta, Combate Febre, Tosse, Úlcera, Dor, Inflamação

3

Chá de Guandú: Bom para Garganta, Combate Febre, Tosse, Úlcera, Dor, Inflamação

Chá de Guandú: a planta é originária da parte oriental da Península da Índia.

Conhecido como sendo uma leguminosa que serve como forrageira para animais e adubação verde, o guandu é uma planta pertencente à família das fabaceae.

A planta é conhecida pela quantidade de proteínas, vitaminas e sais minerais. Por isso ela pode ser usada no processo de tratamento e cura de alguns problemas de saúde.

Chá de Guandú Bom para Garganta, Combate Febre, Tosse, Úlcera, Dor, Inflamação

Chá de Guandú Bom para Garganta, Combate Febre, Tosse, Úlcera, Dor, Inflamação

Chá de Guandú Benefícios:

Além de consumir os grãos, também é possível utilizar as folhas dessa planta no preparo de chás medicinais.

Eles são utilizados principalmente para auxiliar no tratamento de problemas de garganta, como inflamações, infecções e dores.

Além disso, pode ajudar no tratamento de tosses, bronquites, hemorragias e problemas de estômago.

As folhas e flores de guandu são utilizadas na medicina popular principalmente na Região Norte do Brasil na forma de chás contra hemorragias, em gargarejos contra inflamações da garganta, tosse e bronquite.

Em outras regiões são empregadas contra febre, tosses, úlceras, dores diversas e inflamações.

Nativos da Guiana Francesa utilizavam as vagens contra infecções pulmonares e infusão dos grãos (sementes) como diurética.

Esta espécie é considerada Planta Alimentícia Não Convencional (PANC).

Propriedades do Guandú:

O guandú é conhecido por ser bastante nutritivo e cheio de propriedades benéficas para a saúde.

Rico em Ferro:

Uma de suas principais propriedades é que ele é rico em ferro, um mineral de extrema importância para a saúde, cuja falta pode causar problemas como a anemia.

Fonte de Magnésio, Fósforo e Potássio:

Minerais que atuam em diversos órgãos e funções diferentes, ajudando na prevenção e no tratamento de doenças.

O potássio, por exemplo, é muito importante para o controle da pressão arterial e para a saúde do coração.

Possui altos níveis de cálcio:

O cálcio é um mineral essencial para a saúde dos ossos e também dos dentes, por isso, o consumo regular do guandu pode ajudar a fortalecer os dentes e a prevenir doenças como a osteoporose.

Fonte de proteínas:

O feijão guandu possui uma grande quantidade de proteínas, que são essenciais para a regeneração das células e dos tecidos, além da manutenção do nosso corpo de maneira geral.

Rico em Vitamina C:

A vitamina C contribui com a nossa saúde de várias maneiras e uma delas é aumentando a imunidade e prevenindo gripes e resfriados.

Rico em fibras:

Essa é uma característica bastante comum dos mais diversos tipos de feijão. As fibras são muito importantes em diversos aspectos, elas ajudam a melhorar os processos digestivos e trazem saciedade, promovendo a saúde e o bem estar.

Chá de Guandú Nome Popular:

Guandú, feijão-andu, andu, feijão-guandu, guandeiro, guando.

Chá de Guandú Nome Científico:

Cajanus cajan (L.) Millsp.

Receita Chá de Guandú:

Componentes: flores, raízes e folhas. 5 gramas

Quantidade: água 150 mL

Chá de Guandú Como Preparar:

Infusão. Usar 5 gramas de qualquer parte da planta em 1 xícara de água.

Chá de Guandú Propriedades Medicinais:

Diurética, adstringente, antidisentérica, febrífuga, laxativa, anti-hemorrágica, vulnerária e antiblenorrágica.

Chá de Guandú Para que Serve:

O chá de guandu é bom para combater hemorragia, tosse, bronquite, inflamações na garganta, limpar o sangue e diminuir a glicose (diabetes).

Chá de Guandú Como Fazer:

Uso Interno. Acima 12 anos. Infusão. Para preparar o chá de guandu, basta usar 5 gramas de qualquer parte da planta em 1 xícara (chá) de água filtrada. Coloque a água para ferver. Assim que ela atingir o ponto de ebulição, desligue o fogo e acrescente o guandu. Deixe o recipiente tampado por alguns minutos.

Antes de beber, o indicado é que você utilize uma peneira para separar as partes da planta do líquido.

A indicação é de que o consumo diário não ultrapasse 2 xícaras, sendo uma na parte da manhã e outra no fim da tarde.

Chá de Guandú Efeitos Colaterais e Contraindicação:

Não foram encontrados na literatura consultada.

No entanto, caso deseje fazer uso do chá de guandú, ou na sua alimentação, a recomendação é sempre procurar um nutricionista, pois só ele poderá determinar quais são as quantidades necessárias para suprir as suas necessidades nutricionais.

Veja também:

Fontes Consultadas:

  1. Tropical Forages: Cajanus cajan.
  2. Plant Resources of Tropical Africa (PROTA4U): Cajanus cajan(L.) Millsp.
  3. Instituto Brasileiro de Florestas: Feijão-guandu.
  4. RIGOTTI, M. Plantas Medicinais: Botânica, Cultivo e Utilização. CD-ROM, 2a Ed. 2009.
  5. The Plant List: Cajanus cajan.
  6. Wikipédia: Guandu.
Share.

©Desenvolvido por  Loja Online Consultoria | 2014.