Chá de Noz-moscada: Afrodisíaco, Diurético, Estimula o Cérebro, Combate Diarreia e Cólica

0

Chá de Noz-moscada: Afrodisíaco, Diurético, Estimula o Cérebro, Combate Diarreia e Cólica

Chá de Noz-moscada: a noz-moscada é uma planta originária das Ilhas Banda, que fazem parte da província Indonésia das Ilhas Molucas.

Chá de Noz-moscada Afrodisíaco, Diurético, Estimula o Cérebro, Combate Diarreia e Cólica
Chá de Noz-moscada Afrodisíaco, Diurético, Estimula o Cérebro, Combate Diarreia e Cólica

Benefícios do Chá de Noz-moscada:

A noz-moscada possui propriedades tônicas, digestivas, afrodisíacas e diuréticas. Indicada em casos de asma e soluço, além de estimular o cérebro e ser ótima para tratar diarreias, cólicas e problemas intestinais.

Os efeitos benéficos da noz-moscada são atribuídos a miristicina destacando-se dentre eles as ações inseticidas e fungicidas.

Comprovou-se que a miristicina, se administrada corretamente, é capaz de estimular a regeneração das células hepáticas, aumentar a contração muscular da bexiga, útero e intestino, ativar a grutationa S transferase (preventivo na formação de tumores) e ajudar em casos de depressão. 

Composta majoritariamente por gorduras e óleos essenciais, a noz-moscada é mais conhecida como condimento, devido ao seu aroma e sabor característicos, sendo bastante utilizada no preparo de diversas receitas culinárias.

Além disso, esta semente também é usada medicinalmente e traz muitos benefícios para a nossa saúde, na forma de chá.

Noz-moscada Nome Popular:

Noz-moscada, moscadeira.

Noz-moscada Nome Científico:

Myristica fragrans Houtt.

Receita Chá de Noz-moscada:

Componentes: noz. ½ noz-moscada ralada

Quantidade: água 1L

Como Preparar Chá de Noz-moscada:

Infusão. Usar  ½ noz-moscada ralada em 1 litro de água.

Chá de Noz-moscada Propriedades Medicinais:

Digestiva, aperiente, afrodisíaca, anti-inflamatória, carminativa, diurética, emoliente, estomáquica, sedativa, tônica.

Para que Serve Chá de Noz-moscada:

Cólicas intestinais e de estômago, asma, arrotos, soluços, flatulências, fraqueza de estômago, dores reumáticas, inflamações.

O chá de noz-moscada serve para melhorar a digestão, acabar com a insônia e amenizar as dores de dente, além de atuar como estimulante e afrodisíaco. Também possui propriedades hipotensivas, o que significa que pode reduzir a pressão arterial.

Como Fazer Chá de Noz-moscada:

Uso Interno. Acima de 12 anos. Infusão. Para aproveitar melhor todas as propriedades da noz-moscada, o indicado é ralar antes de preparar o chá. Ferva a água, desligue o fogo e acrescente ½ noz-moscada ralada. Deixe a mistura descansar por 3 minutos. Após este tempo, coe o chá, utilizando uma peneira bem fina. Tomar uma xícara por dia.

Não tome a infusão continuamente, tome no máximo por 10 dias, em seguida pare por 5 dias. Tome apenas uma xícara de infusão por dia. Lembre-se de que certos produtos são potentes e podem causar efeitos colaterais.

Chá de Noz-moscada Efeitos Colaterais e Contraindicação:

O chá de noz-moscada não deve ser consumido por mulheres grávidas, lactantes e nem por crianças menores de 2 anos de idade. 

Em grandes quantidades, o consumo desta especiaria pode ocasionar efeitos adversos à saúde, incluindo intoxicação e alucinações.

O consumo de uma noz-moscada inteira ou 5 gramas do seu pó pode causar descontrole motor, despersonalização e alucinações visuais e auditivas.

O consumo excessivo pode incluir outros sintomas como náusea, tontura, palpitações, sudorese e, em casos graves, até o coma. 

As preparações culinárias que incluem a noz-moscada dificilmente atinge o limite máximo recomendado, que é de até 2 colheres (chá) para um indivíduo adulto, mas também depende do peso, idade e susceptibilidade individual.

Atenção e Cuidados com a Miristicina:

Todas as referências a esta planta relatam que embora apresente propriedades medicinais, o componente miristicina pode atuar como narcótico e tóxico se ingerido em grandes quantidades.

Segundo pesquisa científica, são necessárias 20 gramas de noz-moscada para desencadear efeitos psicoativos e alucinógenos.

Essa quantidade contém aproximadamente 210 mg de miristicina, 70mg de elemicina e 39mg de safrol, que podem ser convertidos para as formas potencialmente causadoras de dependência química semelhante a causada pelo consumo de anfetaminas.

Avaliação de Risco:

A toxicidade da miristicina é baixa, pois apesar de existir em diversos alimentos, através da utilização de noz-moscada, endro ou salsa na preparação destes, a sua concentração é muito baixa.

Entretanto, essa informação não invalida o fato de a miristicina em determinadas concentrações pode induzir alterações comportamentais.

A dose de miristicina que induz toxicidade é 1–2 mg/kg de peso corporal e a DL50 >1000 mg/kg.

chá de noz-moscada

Veja também:

Fontes Consultadas:

  1. Encyclopaedia Britannica: Nutmeg.
  2. Gernot-Katzer´s Spice Pages (2004): Nutmeg and Mace.
  3. Ageless: Herbal remedies using nutmeg.
  4. Revista do Instituto Adolfo Lutz (2008): Conteúdo de miristicina em preparados de noz- moscada.
  5. The Vaults of Erowid (2009): Myristica fragrans – An Exploration of the Narcotic Spice.
  6. The Plant List: Myristica fragrans.
  7. Wikipédia: Myristica fragrans.
Share.

Leave A Reply

©Desenvolvido por  Loja Online Consultoria | 2014.