Chá de Salsa: Diurético, Regula Fluxo Menstrual, Combate Asma, Tosse e Infecção Urinária

0

Chá de Salsa: Diurético, Regula Fluxo Menstrual, Combate Asma, Tosse e Infecção Urinária

Chá de Salsa: a salva é uma planta originária da Europa. É um dos condimentos mais populares, pois seu aroma e sabor dão às preparações culinárias um sabor diferenciado, que desperta o apetite.

A salsa é considerada a erva condimentar mais usada na culinária em todo o mundo, havendo hoje dezenas de cultivares e variedades das mais diferentes formas e tamanhos de folhas.

Chá de Salsa Diurético, Regula Fluxo Menstrual, Combate Asma, Tosse e Infecção Urinária
Chá de Salsa Diurético, Regula Fluxo Menstrual, Combate Asma, Tosse e Infecção Urinária

Benefícios do Chá de Salsa:

O chá de salsa é ótimo estimulante gástrico, diurético, bom contra a asma, tosse, pressão alta, gases intestinais, icterícia, dor na próstata, cálculos renais e biliares, dispepsia (digestão difícil), além de conjuntivite e reumatismo.

As folhas cruas de todos os tipos de salsa são ricas em vitaminas A, B1, B2, C e D.

O chá de salsa atua como regularizador da menstruação e melhora a circulação sanguínea.

Tomar o chá de salsa constitui um excelente remédio caseiro para acabar com a infecção urinária. 

A salsa possui propriedades diuréticas naturais que ajudam a eliminar da bexiga qualquer organismo infeccioso e também ajuda a combater as cólicas menstruais, sendo uma erva aromática rica em ferro.

As folhas e raízes devem ser consumidas frescas, enquanto as sementes devem ser coletadas quando maduras e dessecadas ao sol.

O uso da salsa em saladas favorece a digestão, o apetite, combate anemia, o nervosismo e auxilia na memória.

A espécie Petroselinum sativum faz parte da Relação Nacional de Plantas Medicinais de Interesse ao SUS (RENISUS), constituída de espécies vegetais com potencial de avançar nas etapas da cadeia produtiva e de gerar produtos de interesse do Ministério da Saúde do Brasil.

Modo de Conservar a Salsa:

As raízes cortadas em pedaços, as folhas e os frutos-sementes devem ser utilizados frescos ou secos, em local ventilado e sem umidade. Conservar em vidros escuros ou sacos de papel, em separado.

Princípios Ativos da Salsa:

A salsa contém óleos essenciais (apiol, apiosídeo e miristicina), flavonoides, sais minerais (ferro, cálcio e fósforo), vitaminas A, vitamina C e vitaminas do Complexo B.

Salsa Nome Popular:

Salsa, salsinha, salsa-de-cheiro, salsa-das-hortas, cheiro-verde, salsa-cultivada.

Salsa Nome Científico:

Petroselinum crispum  (Mill.) Fuss

Receita Chá de Salsa:

Componentes: frutos (confundidos com sementes), folhas e raiz. 1 colher (chá) de frutos ou 1 colher (sopa) de folhas 

Quantidade: água 250 mL

Como Preparar Chá de Salsa:

Infusão. Usar 1 colher (chá) de frutos ou 1 colher (sopa) de folhas em 250ml de água.

Chá de Salsa Propriedades Medicinais:

Aperiente, estimulante, diurética suave, emenagoga, carminativa, sedativa, emoliente, antiparasitária.

Para que Serve Chá de Salsa:

A infusão das folhas ou sementes é usada em casos de tosse, catarro, bronquite, transtornos menstruais, nervosismo, reumatismo, gases, cistite, edemas, cólicas intestinais e como galactagogo.

Externamente é empregado para combater lêndeas e piolhos do couro cabeludo.

Em Cuba a decocção ou mastigação das folhas é empregada para tratar disfonia e para fortalecer as cordas vocais, enquanto que a decocção da raiz é usada como abortivo.

Na Europa, empregam-se as folhas e talos frescos cortados e macerados com vinagre, na forma de cataplasma para favorecer a cicatrização de abscessos, feridas, chagas, úlceras e eliminar manchas da pele.

No Marrocos, a decocção de raízes de salsa e malva (Malva sylvestris) é empregada em casos de nefrite, e a infusão das folhas de salsa é usada como agente anti-hipertensivo em cistite.

Na Turquia, a salsa é indicada para diabetes.

Em muitos países é costume mastigar folhas de salsa para eliminar o mau-hálito produzido pela ingestão de dentes de alho, cebola, etc.

chá de pêssego

Como Fazer Chá de Salsa:

Uso Interno. Acima 12 anos. Infusão. Usar 1 colher (chá) de frutos ou 1 colher (sopa) de folhas em 250 ml de água fervente. Tomar 2 xícaras ao dia.

Uso Interno. Infusão. Diurético (elimina a ureia), inchaços (edemas), cálculos urinários, reumatismo e gota. Em, 1 xícara (chá), coloque 1 colher (chá) de raízes picadas e adicione água fervente. Abafe por 10 minutos e coe. Tome 1 xícara (chá) de manhã, em jejum, e outra à tarde.

Uso Interno. Acima de 12 anos. Infusão. Estômago (acidez, flatulência, gastralgia). Numa xícara com água fervente, adicione uma pitada de sementes de salsa. Deixe em infusão por 10 minutos. Coar e beber ao final de cada refeição.

Uso Interno. Acima de 12 anos. Decocção. Fígado (cálculos, cólicas, icterícia, intoxicação), rins (cólicas). Ferver 30 g de raízes de salsa e 20 g de raízes de aipo em 1 litro de água durante 15 minutos. Adoçar com mel e beber 2 a 3 xícaras ao dia.

Uso Externo. Hemorragia nasal. Introduzir no nariz um chumaço de algodão embebido em suco de salsa.

Uso Interno. Acima de 12 anos. Infusão. Intestino. Colocar 10 g de sementes de salsa em meio litro de água fervente. Deixar em repouso até esfriar. Filtrar e beber uma xícara, 30 minutos após as refeições.

Uso Interno. Acima de 12 anos. Infusão. Menstruação (tornar menos dolorosa). Colocar 20 g de sementes de salsa em uma xícara de água fervente. Descansar por 10 min. Filtrar e beber.

Uso Interno. Maceração. Regularizar o Fluxo Menstrual. Coloque 2 colheres (chá) de sementes em 1 garrafa de vinho branco. Deixe em maceração por 10 dias e coe. Tome 1 cálice, 2 vezes ao dia, de preferência, 10 dias antes do início da menstruação.

Uso Externo. Cataplasma. Abscessos, chagas, feridas, úlceras, secar o leite materno e picadas de inseto. Em um pilão, coloque 3 colheres (sopa) de folhas e hastes frescas bem picadas e adicione 1 colher (chá) de mel. Amasse bem até formar uma pasta. Espalhe sobre um pano ou gaze e aplique em forma de cataplasma, sobre o local afetado, renovando a aplicação, 2 a 3 vezes ao dia.

chá de picão-preto

Pasta de Salsa para Melhorar o Apetite:

Em um liquidificador, coloque 2 maços de folhas e hastes frescas de salsa, bem picadas, 1 cebola picada e 1 colher (chá) de vinagre.

Bata bem e adicione 1 colher (sopa) de óleo de cozinha. Bater novamente e adicionar sal à gosto. Espalhe sobre fatias de pão integral e coma antes das principais refeições.

Chá de Salsa Efeitos Colaterais e Contraindicação:

Grandes quantidades devem ser evitadas durante a gravidez, pois o composto químico apiol é um estimulante uterino.

A salsa possui alto conteúdo de vitamina K que pode antagonizar drogas anticoagulantes, se tomado mais de 10 gotas do óleo essencial ao dia.

A atividade diurética da salsa pode requerer um ajuste nas doses das drogas anti-hipertensivas.

O óleo essencial pode ser tóxico. Quantidades superiores a 10 gotas ao dia pode resultar em aborto, em doses mais elevadas produz intoxicação do fígado, lesão nos rins, diarreia, vômito, alterações do ritmo cardíaco inclusive paralisação e morte.

Outro componente tóxico do óleo essencial, a miristicina, afeta o sistema nervoso central e pode produzir convulsões.

A xantotoxina e o bergapteno são fototóxicos que reagem em contato com a luz produzindo lesões na pele.

ATENÇÃO: dada a periculosidade que pode resultar a ingestão do óleo essencial de salsa, não é recomendado o seu uso.

Deve-se aproveitar as outras preparações para conseguir os efeitos benéficos desta planta.

O óleo essencial é contraindicado na gravidez e lactação, e em pessoas com insuficiência renal.

Aplicações externas, como o cataplasma, é contraindicado em pessoas com histórico de alta sensibilidade cutânea.

Veja também:

Fontes Consultadas:

  • BALMÉ, F. Plantas Medicinais. HEMUS Editora Ltda, São Paulo (SP).
  • MORGAN, R. Enciclopédia das Árvores e Plantas Medicinais. HEMUS Editora Ltda, São Paulo (SP).
  • Plantas que Curam – Cheiro de Mato. Sylvio Panizza. 1997
  • GERHARD, L. Guia das Plantas Medicinais. Editorial Presença, Lisboa (PT).
  • CRUZ, G. L. Dicionário das Plantas Úteis do Brasil. Editora Bertrand do Brasil, Rio de Janeiro (RJ).
  • The Plant List: Petroselinum crispum.
  • Wikipédia: Salsa (Planta).
Share.

Leave A Reply

©Desenvolvido por  Loja Online Consultoria | 2014.