Chá de Tribulus Terrestris: Aumenta Libido e Força Muscular, Combate Impotência Sexual

0

Chá de Tribulus Terrestris: Aumenta Libido e Força Muscular, Combate Impotência Sexual

Chá de Tribulus Terrestris:Tribulus terrestris é uma planta nativa do Sri Lanka, Paquistão e Índia.

Chá de Tribulus Terrestris: Aumenta Libido e Força Muscular, Combate Impotência Sexual
Chá de Tribulus Terrestris Aumenta Libido, e Força Muscular

Benefícios do Tribulus Terrestris:

Pode ser encontrado em forma de chá, extrato em pó e cápsulas e possui diversas propriedades, incluindo aumento da força muscular, compensação e regularização de hormônios, infertilidade, aumento da libido sexual e até mesmo combater a impotência sexual (disfunção erétil).

O potencial de fortalecimento muscular e aumento do desempenho desportivo atribuído ao Tribulus foi popularizado no início da década de 1970.

Com propriedades e uso terapêutico diversos, o Tribulus terrestris, também conhecido por abrolho ou videira-de-punctura, é uma erva utilizada para o tratamento de várias doenças, sendo mais famosa por funcionar como um estimulante sexual natural.

Os benefícios do uso dessa planta foram bastante utilizados na Europa, e estão ligados à produção hormonal. Consumir o extrato de suas folhas, raízes ou frutas, pode ajudar a amenizar dor de cabeça ou até em casos de deficiência nos hormônios sexuais masculinos e femininos.

Tribulus Terrestris Nome Popular:

Tribulus terrestris, tribulus, viagra natural.

Tribulus Terrestris Nome Científica:

Tribulus terrestris L.

Receita Chá Tribulus Terrestris:

Componentes: folhas e raízes. 1 colher (chá)

Quantidade: água 150 mL

Como Preparar o Chá de Tribulus Terrestris:

Decocção e Infusão de 1 colher (chá) de folhas em 1 xícara de água.

Chá de Tribulus Terrestris Propriedades Medicinais:

Afrodisíaco, analgésico, antiespasmódico, anti-inflamatório, antilítico, cardíaco, demulcente, diurético, restaurador, tônico.

Para que Serve o Chá de Tribulus Terrestris:

Disfunções sexuais, impotência (homens e mulheres), incontinência urinária, dor ao urinar, pedras nos rins, gonorreia, doenças cardíacas, vertigens, neurastenias, dor de dente, higiene bucal. 

Como Fazer o Chá de Tribulus Terrestris:

Uso Interno. Acima de 12 anos. Infusão. Colocar 1 colher (chá) de folhas secas em 1 xícara e cobrir com água fervente. Esperar esfriar para coar e beber 3 vezes ao dia.

Chá de Tribulus Terrestris Efeitos Colaterais e Contraindicação:

O uso de Tribulus terrestris deve ser feita sob prescrição médica, em casos de hipertensão ou cardiopatias, dada a possibilidade de descompensação da pressão ou eliminação de potássio, o qual pode potencializar os efeitos dos cardiotônicos.

É contraindicado o uso durante a gravidez, lactação e pacientes com hepatopatias.

Os efeitos colaterais associados ao uso do Tribulus terrestris são raros, contudo, pode ocorrer alguns pequenos efeitos relacionados a digestão e ao aumento dos níveis hormonais.

A planta aumenta os níveis de testosterona, que por si só pode causar efeitos colaterais secundários indesejados.

Dentre os efeitos inclui o aumento dos níveis de agressividade, maior crescimento de cabelo (os fios de cabelo costumam nascer um pouco mais espessos) e alargamento da glândula da próstata.

Embora a testosterona no corpo possa causar estes efeitos potencialmente indesejados, o aumento da testosterona dificilmente é compreendido como um efeito colateral secundário.

Veja também:

Fontes Consultadas:

  1. US National Library of Medicine (2019). Effect of Tribulus terrestris on sperm parameters in men with idiopathic infertility: A systematic review.
  2. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva (2017): Influência do uso de Lepidium meyenii Walp e Tribulus terrestris em praticantes de musculação.
  3. Revista Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia (2016): Assessment of the effects of Tribulus terrestris on sexual function of menopausal women.
  4. Silva, Uiara & Oliveira, Reyjane & Harley, Raymond & Giulietti, Ana. (2014). Flora da Bahia: Zygophyllaceae. SITIENTIBUS Série Ciências Biológicas. 14. 10.13102/scb381.
  5. Botanical Dermatology Database (2011): Tribulus.
  6. U.S. Department of Agriculture, Agricultural Research Service. 1992-2016. Dr. Duke´s Phytochemical and Ethnobotanical Databases: Tribulus terrestris.
  7. ALONSO, J. R. Tratado de Fitomedicina. 1ª ed. Isis Ediciones. Rosario, Argentina. 2004.
  8. FITOTERAPIA. Vademecum de Prescripción. Plantas Medicinais. Masson, 3ª ed. 1999.
  9. SINGH, S.; NAIR, V.; GUPTA, Y.K.; Evaluation of the aphrodisiac activity of Tribulus terrestris Linn. in sexually sluggish male albino rats. Journal of Pharmacology & Pharmacotherapeutics, 2012. V.3. p. 43-47.
  10. US National Library of Medicine (2014): Phytofarmacological overview of Tribulus terrestris.
  11. SILVA, M. Rocha. Importância da fotossensibilização para a medicina humana e veterinária. Revista da Faculdade de Medicina Veterinária de São Paulo.  Vol. 1 – fasc. 3-4, 1940.
  12. The Plant List: Tribulus terrestris.
  13. Wikipédia: Tribulus terrestris.
Share.

Leave A Reply

©Desenvolvido por  Loja Online Consultoria | 2014.